quinta-feira, 14 de julho de 2016

O Bambu chinês


O bambu chinês tem uma particularidade interessante: ao ser plantado no solo, não se vê absolutamente nada durante quatro anos! Nem um broto! Em todo esse tempo seu crescimento se dá de modo subterrâneo e imperceptível, quando suas raízes se expandem em várias direções, permitindo o estabelecimento da base firme que o sustentará futuramente. Mas no quinto ano ele tem a capacidade de rasgar a superfície da terra e crescer até 24 metros! Não são assim muitos de nossos planos e sonhos? Por um bom tempo, parece não acontecer nada...de repente, aquilo que projetamos acontece!

Muitas coisas na vida pessoal e profissional são iguais ao bambu chinês”: você trabalha, investe tempo, esforço, faz tudo o que pode para nutrir seu crescimento, e, às vezes não vê nada por semanas, meses, ou anos. Mas, se tiver paciência para continuar trabalhando, persistindo e nutrindo, o seu 5º ano chegará, e com ele virão um crescimento e mudanças que você jamais esperava.

A importância dos cinco primeiros anos do bambu chinês na nossa vida pode ir além da formação acadêmica. Nos relacionamentos interpessoais também é de extrema importância criarmos raízes sólidas, duradouras e fortes. Há quem se espante com algumas pessoas que conseguem passar por tragédias pessoais de uma maneira sóbria e sublime. Talvez o segredo esteja exatamente nos cinco primeiros anos de bambu chinês destas pessoas. Sempre se preocuparam em ter uma visão completa e lúcida da realidade. Sabendo exatamente qual o seu papel no mundo e na vida de outras pessoas. Buscando autoconhecimento, criando raízes no espaço que o cercam e procurando sempre em se fazer para si e para os outros.

Aproveitar o tempo de formação sem ter pressa de chegar pode ser um comportamento que dará mais frutos vistosos e perenes do que esperamos.
O bambu chinês nos ensina que não devemos facilmente desistir de nossos projetos, de nossos sonhos. Especialmente no nosso trabalho, que é sempre um grande projeto em nossas vidas. Tenha sempre dois hábitos: Persistência e Paciência, pois você merece alcançar todos os sonhos! É preciso muita fibra para chegar às alturas e, ao mesmo tempo, muita flexibilidade para se curvar ao chão.

Aprendemos ainda mais com o bambu chinês:

1 – Ele se encurva nas tempestades (sabe se comportar diante das dificuldades);
2 – Ele tem raízes profundas (estabilidade);
3 – Ele vive em “comunidade” (não se vê um só bambu, mas vários; evita o isolamento);
4 – Ele não tem galhos (dispensa o que lhe impede de crescer plenamente);
5 – Ele é cheio de nós (não tem “eu”, não tem arrogância);
6 – Ele é oco (prontidão em ser cheio, em absorver, em “aprender”); e
7 – Ele cresce para o alto (excelência).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...