quarta-feira, 5 de junho de 2013

O prazer na Lei do Senhor



O Salmo primeiro deve estar em nosso coração, pois traz o início de uma vida vitoriosa: “Bem-aventurado o varão que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores”(Salmos 1:1). 

Portanto, há duas condições para uma pessoa ser bem-sucedida. A primeira subdivide-se em três itens.

1. Não andar segundo o conselho dos ímpios.

2. Não se deter no caminho dos pecadores.

3. Nem se assentar na roda dos escarnecedores.

Após cumprir a primeira condição. É preciso efetivar a segunda: “Antes, tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite” (Salmos 1:2), que se subdivide em dois itens.

1. Ter prazer na Lei do Senhor.

2. E nela meditar dia e noite.

Está explicado por que há cristãos que fracassam e tropeçam: porque não cumprem as duas condições, ou cumprem apenas uma. Em qual situação está sua satisfação, seu prazer? Por acaso, na formação dos seus filhos, em uma viagem, em um jogo de futebol, na comida, em sua esposa, em seu marido? Seu prazer está no vestido que comprou ou no automóvel novo? Se o seu prazer estiver nessas coisas, não será bem-sucedido. Você pode fazer e ter tudo isso, mas seu prazer deve estar nos preceitos do Senhor.

Quando a pessoa medita na Lei de Deus, separa um tempo para isso. Ao fazê-lo, seu entendimento se ilumina, até que surge a certeza de que a bênção lhe pertence. Em um piscar de olhos, essa pessoa passará a ser bem-sucedida.

Percebemos que é imprescindível a meditação na Palavra de Deus. Mas, além disso, é necessário tomar cuidado com o que se fala: “Eu disse: Guardarei os meus caminhos para não delinquir com a minha língua” (Salmos 39:1a). O salmista afirma que a pessoa passa a ser um delinquente quando usa a Palavra de maneira errada.

“Com o silêncio fiquei como mudo; calava-me mesmo acerca do bem; mas a minha dor se agravou” (Salmos 39:2). Não nos podemos calar acerca da Palavra de Deus. Aquele que se cala tem sua dor agravada. Se o mal estiver contra você, não se cale; levante-se e enfrente-o.

“Incendeu-se dentro de mim o meu coração; enquanto eu meditava se acendeu um fogo: então falei com a minha língua” (Salmos 39:3). Meu irmão, vamos regar a semente! Passe a meditar naquilo que Deus lhe revelou. Quando esse fogo acender, você terá condições de falar e derrotar esse mal.

“Os meus olhos anteciparam-me às vigílias da noite, para meditar na tua palavra” (Salmos 119:148). Meu irmão, devemos fazer qualquer coisa para meditar na Palavra e ter sede de lê-la. No ônibus, no avião, ou mesmo indo a um passeio, leve a Bíblia com você. Se um versículo chamou sua atenção, ore, medite e faça um pequeno estudo sobre o assunto.

Devemos meditar nesse estatuto, pois, quando isso acontece, pronunciamos a Palavra de Deus, que cura o doente, expulsa os demônios, liberta da opressão, faz prosperar e muito mais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...