segunda-feira, 29 de novembro de 2010

O Justo florescerá como a palmeira

" O justo florescerá como a palmeira; crescerá como o cedro no Líbano" Sl 92:18
O versículo fala da Palmeira e do Líbano, que lições poderíamos aprender com essas duas plantas?
Parte I- A Palmeira
Se adapta bem em qualquer ambiente: zonas rurais, urbanas e interiores. Seu tamanho varia de acordo com seu aproveitamento e condições ambientais. Podem crescer até 10 metros ou mais. Da planta, aproveita-se tudo, produzindo: fibras, oléos, ceras, etc. Crescimento, adaptação e estabilidade são características marcantes da palmeira.
A Bíblia, no mesmo Salmo, indica o melhor lugar onde o "cristão palmeira" deve ser plantado:"Os que estão plantados na casa do Senhor, florescerão nos átrios do nosso Deus". Adubada pela Palavra de Deus, a planta cria raízes firmes e profundas.
Palmeiras se destacam, são visíveis a longas distâncias. Assim é o servo de Deus, é notado pela sua maneira especial de ser, seu amor e testemunho alcançam vidas mesmo que estas estejam em lugares longíquos.
A resistência a ventos e tempestades é uma outra característica da planta. Elas balançam, perdem folhas...mas não caem facilmente. É muito trabalhoso arrancar uma palmeira adulta do solo.
Em Janeiro de 2005, um tsunami devastou a Indonésia. As imagens que percorreram o mundo mostraram casas sendo destruídas, prédios sucumbindo a força da água, muitos destroços e pessoas sendo arrastadas. Em meio ao terrível cenário, víamos palmeiras intactas e pessoas agarrando-se a elas para sobreviverem. Uma mulher de 23 anos(Melawati ), da província de Aceh, sobreviveu cinco dias agarrada ao tronco de uma palmeira, em alto-mar. Foi resgatada por um barco pesqueiro. Assim é com o justo: sujeito a "ventos fortes e tempestades". Por vezes, saímos tão machucados, mas a graça de Deus nos sustenta, dando vida e vigor para amparar os mais fracos.
"Bendito seja o Deus e Pai de Nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda consolação; que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus" I Cor 1:4.
Da palmeira tudo se aproveita
Gosto de recitar Romanos 8:28 "Todas as coisas contribuem para o bem dos que amam a Deus".
Deus, transforma situações de derrota em vitória. Nada é em vão para o cristão, obediente a Palavra.
Não foi assim com Jesus? Satanás achou que o tinha derrotado com a crucificação. Mas, foi justamente ali que consistiu a maior de todas as vitórias.Foi quando o apóstolo Paulo se sentiu fraco que Deus lhe falou: " Meu poder se aperfeiçoa na fraqueza" II Cor 12
A "ventania" sopra, arranca folhas, espalha as flores e quando cessa tudo, lá está o servo obediente, tal qual a palmeira: ilustre vencedor, mais forte, pronto para florescer e renovar as forças.
Flores de Palmeira. Florescem numerosas vezes, em abundância, o ano inteiro, em todas as estações. Os insetos especialmente as abelhas, encontram ali alimento e contribuem com a polinização.
Depois das flores;os frutos. Sendo "Cristão palmeira" os frutos são abundantes o ano inteiro, independente da estação. As abelhas representam os sedentos, ávidos por alimento para a alma, saciando-se do néctar do cristão. Comparo o néctar ao Espírito Santo que tem poder para convencer o homem "do pecado, da justiça e do juízo" Jo 16:18.
As abelhas são como a mulher samaritana: levam as boas novas a outras que passam a "beber da mesma fonte".



Um comentário:

  1. MUUUUUUUUUUUUUUUUUUITO LEEEEEGAL!! CONSEGUII TIRAR MINHA PREGAÇÃO DAI!! cONTINUE ASSIM!

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...