quarta-feira, 20 de outubro de 2010

O que tem limitado você?

> Deus tem mais para nós! Como podemos maximizar o potencial que Deus tem nos dado?
> Parábola dos Talentos: Deus deu mais a quem tinha mais capacidade. O que você tem feito para aumentar sua capacidade? Pense em passos práticos!
> Diante de textos como Ef 1.3 e Jo 10.10b, como explicar o fato de estarmos tão limitados?
 Cuidado com a tendência de colocar a culpa em outros. A maioria das vezes a culpa é nossa, nós nos limitamos, nós somos nosso maior inimigo!
 Vejamos algumas razões de estarmos nos auto-limitando:
I.) Medo do Fracasso
> Os covarde, tímidos e medrosos que desistiram de lutar com Gideão – Jz 7.3
> Os verdadeiros fracassados não são os que tentam algo e não conseguem. Os verdadeiros fracassados são os que nem tentam.
II.) Tirania de Recordações Desagradáveis
> Fp 3.13
> Por que não tentar novamente? Tome os cuidados necessários e vá em frente!
> “Não tenha medo de que se prosseguir terá mais experiências ruins. Tema, antes, que se não tentar de novo perderá sua grande oportunidade de começar a ter uma vida realmente feliz!”
III.) Falta de Descontentamento com a Situação Atual das Coisas
> Não quer dizer que você não esteja grato a Deus pelo que Ele tem lhe dado, mas que você sabe que com a força de Deus você pode ir mais longe!
> Ex. Davi diante do conformismo de Israel em relação às afrontas de Golias – 1 Sm 17.26b
> Temos que estar abertos a mudanças. Embora algumas coisas sejam imutáveis (Deus, sua Palavra, a sã doutrina), estamos vivendo em um mundo em constante mutação. É hora de questionar paradigmas antigos!
IV.) Insistência no Isolamento
> Por que as pessoas se isolam? Ego, insegurança, ingenuidade e temperamento.
> Pv 18.1
V.) Atitude Negativa
> A incredulidade de Israel ante a possibilidade de conquistar a Terra Prometida – Nm 13.31
> Aquelas pessoas que estão sempre reclamando, murmurando, só se concentram nos aspectos negativos da vida.
> A diferença entre uma pessoa com atitude negativa e uma pessoa com atitude positiva: A pessoa com atitude negativa não consegue ver nada de bom acontecendo ao ser redor e ainda permite que todas as coisas ruins (negativas) que lhe acontecem ou lhe cercam dirijam sua vida. A pessoa com atitude positiva é aquela que usa as coisas boas como um trampolim e encara as coisas negativas como uma oportunidade, um desafio!
VI.) Falta de Segurança
> Precisamos ter segurança pessoal que advêm de nossa segurança, nossa fé em Deus.
> Davi – 1 Sm 17.32. A segurança e confiança se constroem passo a passo – Ver 1 Sm 17.34-37 (Saul teve que se render à confiança e segurança que Davi mostrou).
> “Nenhuma quantidade de competência pessoal compensa a insegurança pessoal. Se você permitir que suas inseguranças ocupem o melhor de você, será inflexível e relutante para mudar. E não há crescimento sem mudança”.
VII.) Falta de Disciplina
> Nosso maior desafio não é liderar outros, mas liderarmos a nós mesmos. Quem não consegue se auto-liderar, não pode liderar nada e nem ninguém.
> Existem pessoas que têm um grande potencial, mas não conquistam nada, pois não têm disciplina. Acordam tarde, não têm tempo devocional (o que é uma prática importantíssima para se obter equilíbrio interior!), não tem sabedoria para gastar seu dinheiro, não se submetem à liderança, etc.
> Talento não é tudo! Precisa ser acompanhado de algumas características, entre elas a disciplina!
> 1 Co 9.24-27
VIII.) Falta de Direção
> Falta de alvos, metas, propósitos definidos.
> Mire em nada e acertará em nada! Quais são seus objetivos de vida, pessoais, familiares, profissionais, estudantis, espirituais (deveriam vir primeiro!), ministeriais, etc.
> É importante escrever seus alvos, metas e propósitos!
> Alguém já disse que Meta + Sacrifício = Êxito!
> Fazendo a coisa errada no lugar errado – Se estiver assim vai se frustrar, prejudicar outros e a si mesmo. Procure estar no lugar certo, fazendo a coisa certa, pelos motivos certos!
> Paulo disse: “… prossigo para o alvo …” (Fp 3.14).
> “A maioria dos grandes sonhos dos grandes sonhadores não são realizados, são superados”
IX.) Tendência de Jogar Tudo para Deus e Não Assumir nossa Responsabilidade
> Existe uma parte que realmente só Deus pode fazer, mas existe uma parte que compete a nós e que Deus não fará em nosso lugar!
> Na ressurreição de Lázaro (Tirem a pedra!), na travessia do Rio Jordão (coloquem o pé da água), no dinheiro para o pagamento do imposto (Pedro, vá pescar), na pesca maravilhosa (Lancem a rede do outro lado), etc!
> Se ficarmos esperando Deus fazer tudo por nós, sabe quando vamos conquistar algo? Nunca!
> 1 Co 3.6 – Deus deu o crescimento, mas Paulo teve de plantar e Apolo regar!
X.) Existência de Pecado
> O pecado é algo que nos paralisa, pois ele traz culpa. A culpa não é um sentimento positivo, mas negativo. A culpa traz um grande peso, causa prostração.
> Ao pecar, mudamos o foco de nossos objetivos para colocá-lo na tentação que estamos sofrendo e no pecado que nos assedia!
> Todos nós (inclusive eu) temos que travar uma luta muito ferrenha para não pecar. Todavia, não podemos vencer com nossas próprias forças, mas somente com a força do Espírito Santo. Daí a necessidade de nos mantermos em comunhão constante com Deus, orando, meditando em sua Palavra e congregando com os irmãos (seja no templo, seja nas casas)!
> Veja como o pecado nos limita – Hb 12.1b (O pecado nos impede de correr com desembaraço).
> Ex Sansão. Brincou tanto com o pecado que de sacerdote de Deus se tornou palhaço dos seus inimigos! Jz 16.25.
Conclusão: Não permita que nada e ninguém (nem você mesmo) limitem o grande potencial de bênçãos que Deus tem colocado em suas mãos! Vamos marchar rumo à vitória!

Pr. Ronaldo Guedes Beserra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...