quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Nossas Fraquezas na Perspectiva de Deus

A Bíblia está cheia de relatos extraordinários que foram realizados por pessoas simples e comuns. Pessoas que não tinham nada de extraordinário, mas que foram instrumentos para realizarem feitos que nunca havia acontecido.
A pergunta que surge é: Por que Deus age desta forma? A resposta é simples e direta: Deus realmente gosta de usar pessoas improváveis, que da perspectiva natural aparentam extremamente fracas. Na verdade todo mundo tem fraquezas, pois neste mundo não existe ninguém perfeito.
Todos nós temos debilidades em nossa vida, seja ela de ordem física, emocional, intelectual ou mesmo espiritual. Normalmente, negamos nossas fraquezas, as defendemos, damos desculpas, escondemos, não queremos que ninguém saiba, pois, achamos que o fato dos outros saberem isso nos deixará muito vulneráveis e não seremos bem aceitos na sociedade e nem mesmo na igreja. Todavia, Deus tem uma perspectiva totalmente diferente de nossa fraqueza.
Enquanto imaginamos que Deus quer usar somente nossos pontos fortes, ignoramos que Ele quer usar também nossos pontos fracos para a Sua glória. Suas fraquezas não são um acidente, foi Deus quem permitiu, a fim de demonstrar o Seu poder através de você. Aliás, Deus nunca fica impressionado com a força e auto-suficiência, pelo contrario, Ele é atraído por pessoas que são fracas e que admitem isso.
1. Personagens improváveis de Deus
Moisés (Ex 3:10-11): A primeira fraqueza de Moisés era seu complexo de inferioridade, pois, dizia “quem sou para tirar o povo do Egito?”. A outra fraqueza de Moisés era o seu temperamento. Mas depois Deus tratou desta fraqueza e ele foi usado tremendamente como um grande líder.
Gideão (Jz 6:11-16): As fraquezas de Gideão eram a baixa auto-estima e sua profunda insegurança, mas Deus o transformou em um poderoso homem de valor. E o resultado é conhecido de todos, apesar de uma batalha desigual, Deus deu a vitória para o seu povo. Isso é uma prova de como Deus usa pessoas imperfeitas, e ordinárias para realizar coisas extraordinárias apesar de todas as suas debilidades.
Davi (I Sm 16:6-7): Este texto deixa claro que a ótica de Deus não é a nossa, Deus vê de uma forma completamente diferente de nós. Deus imputa valor onde o homem não vê valor. Deus valoriza o que o homem vê como comum. O Missionário Hudson Taylor disse: “Todos os gigantes de Deus são pessoas fracas”.
Os discípulos: Jesus também tinha seus discípulos, eles foram “chamados dentre os meninos reprovados no vestibular”. Cuidavam dos negócios da família, como Pedro, André, Tiago e João, que eram pescadores, ou se dedicavam a outras atividades, como Mateus, que era cobrador de impostos. Aparentemente também eram improváveis, mas Deus os usou para propagarem o seu Evangelho até nós.
Pedro: A fraqueza de Pedro era a sua impulsividade e a sua inconstância, mas Deus o transformou num homem firme como uma pedra, que chegou a se tornar um Mártir da fé pela sua firmeza.
João: Um dos arrogantes “Filhos do trovão” que queria mandar fogo do céu para consumir os samaritanos. Deus o transformou no apóstolo do amor. E o capacitou para escrever o livro da consumação dos séculos.
Abraão: A fraqueza de Abraão era seu medo. Duas vezes ele afirmou que sua esposa era sua irmã para poder se proteger. Mas Deus o transformou em Pai de todos os que crêem.
Deus é especialista em transformar fraqueza em força. Ele quer pegar suas fraquezas e transformá-las para que seu poder possa fluir.
2. Como Deus pode me usar com todas as minhas fraquezas?
1° Admita as suas fraquezas: Precisamos ser honestos conosco admitindo nossas fraquezas, em vez de ficarmos dando desculpas e nos recusando a aceitar.
2° Alegre-se na sua fraqueza (II Co 12:10-11): Parece uma coisa sem sentido se alegrar com as fraquezas, mas Paulo nos dá algumas razões: nossas fraquezas nos fazem depender mais de Deus; nossas fraquezas nos fazem mais humildes; nossas fraquezas nos fazem buscar comunhão com os irmãos.
3° Compartilhe suas fraquezas (Tg 5:17): O ministério bem sucedido começa com a vulnerabilidade. Quanto mais você conta as suas lutas, mais Deus poderá usá-lo para servir os outros.
CONCLUSÃO
“Porque quando sou fraco, ai é que sou forte”. Deus quer te usar independente de suas fraquezas e limitações. Deixe o Senhor que é especialista em transformar caráter, curar sua alma ferida. O Senhor gosta se usar os fracos para que a Glória seja dele. Se você se sente pequeno e improvável, com certeza o Senhor está “de olho” em você. Permita-se ser usado pelo Senhor!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...