quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

À alma abatida

Quando nós sofremos com uma doença qualquer, mais do que nunca, precisamos ter uma boa alimentação, que é fundamental para a cura. Quem nunca teve uma gripe? Quem nunca sentiu aquela fraqueza física característica deste mal? Lembro-me que, na minha infância, quando gripado, a última coisa que eu desejava fazer era comer. Meus pais me diziam: “come, menino, senão piora”. Mas eu não queria. Não tinha ânimo. Com o tempo, percebi que meus pais tinham razão. Na vida espiritual, também é assim. Nos momentos de maior fraqueza, para que nossa fé seja fortalecida, não podemos abrir mão do alimento.
No Salmo 119:25, podemos ler: “A minha alma apega-se ao pó; vivifica-me segundo a tua palavra.”
A primeira parte do versículo fala do homem caído, derrotado, cansado de lutar, convencido de que só o agir divino poderá levantá-lo. Reconhecer a fraqueza é o primeiro passo para a cura. Todos nós já passamos por momentos assim, quando nos damos conta de que nossa alma está prostrada.
A essa altura, a nossa velha natureza nos dirá: “viu? é impossível seguir os preceitos de Deus”. Os nossos inimigos espirituais fortalecerão este coro, que ecoará em nossas mentes. Eis o dilema, o conflito do qual Paulo fala em Romanos 7:24, quando diz: “Miserável homem que eu sou! quem me livrará do corpo desta morte?”
A segunda parte do Sl. 119:25 fala de uma palavra, segundo a qual Deus nos vivifica, nos levanta e nos fortalece. A palavra são os princípios de Deus. O Sl. 119:9 nos diz: “Como purificará o jovem o seu caminho? Observando-o de acordo com a tua palavra”. É preciso, a cada dia, comparar as idéias que motivam o nosso caminho com a palavra do Senhor. Se tivermos este cuidado constantemente, não cairemos. Mas, se já estamos caídos quando “observamos” o nosso caminho, neste momento, então, mais do que nunca, precisamos rever nossas idéias e ações segundo a palavra do Senhor.
Quando estamos mal espiritualmente, o mundo, a nossa velha natureza, o diabo fazem de tudo para que não busquemos o santo remédio, a palavra de Deus. Mas precisamos buscar. Com o coração humilde, até mesmo envergonhados diante do Pai, mas sabendo que o sangue de Jesus nos redime de todo o pecado.
“Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei pela salvação que há na sua presença.” (Sl 42:5).
Mesmo que nossas almas estejam abatidas, devemos louvar, orar, meditar na palavra de Deus, buscar de todo o coração a cura, pois nós só a encontraremos na presença de Deus. (Guto Bello)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...